sábado, 23 de fevereiro de 2019

O que é salvação



Ser salvo é MORRER para o pecado (Romanos 6:7).
Salvação é a libertação do “domínio” do pecado e o livre acesso à presença de Deus mediante a união com Cristo em sua morte e ressurreição através do Espírito Santo. Assim, salvação implica em morte.
Uma pessoa somente é salva do pecado quando ela morre (e é sepultada para o pecado) e renasce com uma nova natureza espiritual – Como viveremos ainda no pecado, nós que morremos para o pecado? (Romanos 6:2).
Ser salvo É NASCER (renascer, ressuscitar, ser regenerado) pelo Espírito Santo (João 3:3,5-6; Romanos 6:5) que opera no justo, capacitando-o para uma vida de retidão diante de Deus e de correção diante dos homens (Romanos. 8.33; 3.24);
Uma pessoa só pode ter uma nova vida, nascer de novo, ser salva, quando ela morre para o domínio do pecado. É uma transformação definitiva.
A santificação é o processo que, principiando na regeneração, leva o homem à realização dos propósitos de Deus para sua vida e o habilita a progredir em busca da perfeição moral e espiritual de Jesus Cristo, mediante a presença e o poder do Espírito Santo que nele habita (João. 17:17; I Tessalonicenses 4:3; 5:23; 4:7).
A glorificação é o ponto culminante da obra da salvação (Romanos 8:30; II Pedro 1:10,11; I João 3:2; Filemon 3:12; Hebreus 6:11).
Nos próximos posts iremos verificar algumas questões específicas acerca da salvação e compreender porque o salvo em Cristo não pode, por nenhuma razão, perder essa condição.
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário. Colabore com o autor. Obrigado.

Destaque

A Demi Lovato e o batismo cristão