segunda-feira, 11 de março de 2019

Fuja da Imoralidade



No texto de Coríntios 6.12-30 Paulo nos dá alguns motivos para fugir da imoralidade. Vejamos quais:

  1. Embora todas as coisas nos sejam lícitas, nem todas são convenientes e nenhuma delas deve nos dominar (6.12).
  2. Nosso corpo é membro de Cristo (6.15); isto é, assim como minha mão é um membro no meu corpo, meu corpo é um membro no corpo de Cristo. Sendo assim, não posso absolutamente permitir que um membro do corpo de Cristo pratique imoralidade.
  3. Meu corpo é habitação do Espírito Santo (6.19), o que faz de mim um santuário.
  4. Meu corpo não é meu (6.20), afinal fui comprado pelo sangue de Jesus [um cristão jamais dirá:“meu corpo, minhas regras”].
  5. Devo glorificar a Deus em meu corpo (6.20); isto é, tudo o que faço no meu corpo e através do meu corpo deve glorificar a Deus.
  6. Alem dos motivos acima temos o mandamento em si (6.18), que aliás é equivalente ao mandamento contra a idolatria (10.14).

Por que a ênfase em fugir? Pode alguém perguntar. A resposta é:

"Alguns inimigos só podem ser vencidos fugindo-se deles. Manter-se fora do seu alcance é a maior vitória possível”.

Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário. Colabore com o autor. Obrigado.

Destaque

A Demi Lovato e o batismo cristão