terça-feira, 28 de maio de 2019

Sobre pertencer

ilton santana


Todos nós temos diversos laços de pertencimento. Pertencemos a um cônjuge, aos filhos, aos pais, irmãos, à empresa, aos colegas de trabalho, aos projetos profissionais, à galera da faculdade, a sonhos...

Mas a quantos nós pertencemos "de modo especial"?

Há muitíssimos laços de pertencimento que são frágeis demais ou simplesmente protocolares. Na verdade não há pertencimento alguma. E mesmo quando há, muitas vezes termos um pertencer fracionado, tumultuado, uma relação de pertencimento em que a grande alegria é escapar-se, "dar um perdido" até que não seja mais possível.

É lamentável que tantas pessoas vivam constantemente nessa tensão, talvez sem jamais terem se dado conta que a verdadeira vida, a grande alegria, a felicidade de fato só pode ser encontrar quando se pertence a alguém, quando a gente se encontra no outro, seja nos filhos, no surf, no olhar da mulher amada ou na contemplação das estrelas.

Então, termino com a pergunta que fiz antes: A quem você pertence de modo especial?

Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário. Colabore com o autor. Obrigado.

Destaque

A Demi Lovato e o batismo cristão